Confira a crítica do filme ‘Angry Birds 2 – O Filme!’

Confira a crítica do filme 'Angry Birds 2 - O Filme!'

Os arqui-inimigos: pássaros e porcos, muito bem conhecidos pelos jogos da Rovio para smartphones, voltam mais uma vez às telonas com o filme ‘Angry Birds 2 – O Filme!’. A sequência estreia amanhã nos cinemas.

Conferimos o filme em uma cabine de cinema recentemente e trazemos para você o que achamos da animação.

Sinopse

Os raivosos pássaros que não voam e os engenhosos porquinhos verdes levam sua briga para o próximo nível em Angry Birds 2 – O Filme! Quando surge uma nova ameaça que coloca as ilhas dos Pássaros e dos Porcos em perigo.

Red, Chuck, Bomba e Mega Águia recrutam a irmã de Chuck, Silver, e se unem aos porcos Leonard, sua assistente Courtney e o técnico Garry para juntos estabelecerem uma trégua instável para formar uma improvável superliga que irá salvar suas casas.

O enredo

A animação começa, com muita ação e diversão, recordando o enredo principal do filme anterior: a guerra entre os pássaros e os porcos. Tudo muda quando as duas ilhas são atacadas por objetos estranhos vindo de uma terceira ilha (até então desconhecida).

Além de nos mostrar as ilhas já conhecidas, a sequência do filme nos apresenta uma nova ilha: a Ilha das Águias liderada pela vilã Zeta que quer destruir as ilhas dos pássaros e dos porcos.

Leonard, líder dos porcos, propõe uma trégua com os pássaros que aceitam imediatamente. Porém Red não quer aceitar o pedido de paz porque em sua visão deixará de ser o herói.

Depois de muitas explicações de Leonard à Red, o nosso protagonista aceita a improvável trégua. E então embarcam, junto com seus amigos para uma aventura: bolar uma estratégia para entrar na Ilha das Águias e acabar com o plano maligno de Zeta.

Já na ilha, o grupo se divide. Red e Silver, que se detestam, entram sorrateiramente, enquanto o resto veste uma fantasia de águia para disfarçar (as cenas que mostram eles fantasiados vão tirar muitas gargalhadas tanto das crianças como dos adultos).

É na Ilha das Águias que o enredo da aventura se desenvolve.

A crítica

O filme é bem ritmado e muito divertido. As cores e o enredo lúdico é perfeito para agradar as crianças. Já as gírias brasileiras e os diálogos engraçados cativam os adultos. Com personagens envolventes, a animação se torna muito leve e agradável de assistir.

A animação ainda aborda questões como o empoderamento feminino já que Silver é uma inteligente engenheira (área onde pouco se vê mulheres) que sabe o que quer da vida. Além de mostrar que a união é essencial para superar problemas.

Contudo, o destaque em Angry Birds 2 – O Filme foi para o trio de filhotes fofos tentando recuperar os ovos perdidos, no caso as irmãs de um deles. Assim como o esquilo que não consegue pegar a noz na Era do Gelo, os filhotes passam por vários obstáculos hilários até conseguirem recuperar os ovos.

Foto: Divulgação/Columbia Pictures e Rovio Animations.

A trilha sonora é outro ponto crucial que fez o filme ficar ainda mais divertido e ritmado. Com músicas como Final Countdown, Eye of the Tiger e I’m Too Sexy inseridas no timing certo gerando uma expectativa do público.

Elenco e personagens

Grandes nomes do humor estão na ficha técnica como dubladores: Marcelo Adnet, Fábio Porchat e Dani Calabresa.

Além deles, o filme também conta com participações especiais de influenciadores na dublagem: Thomaz Costa é Bubba, Mileninha é Lola, Luluca é Beatrice e Authentic Games é o Authêntico.

Vimos um lado diferente de Leonard, líder dos porcos. Além de conhecer outros personagens porquinhos. Silver foi a personagem ponto-chave para o filme pois é uma protagonista inteligente, forte, capaz e divertida.

Foto: Divulgação/Columbia Pictures e Rovio Animations.

Podemos perceber ao longo do filme que Red fica menos turrão graças à Silver, passarinha que ele não gostava mas foi passando a admirar.

Zeta é uma vilã tão carismática que é impossível não gostar dela. Bomba e Chuck são os responsáveis por momentos muito engraçados.

Conclusão

Angry Birds 2 – O Filme! é um filme para toda a família que não somente as crianças vão gostar, como os adultos vão se cativar também. A animação roteirizada por Peter Ackerman, Eyal Podell, Jonathon E. Stewart e dirigida por Thurop Van Orman conseguiu superar o primeiro filme.

Veja aqui as estreias da Netflix para o mês de outubro.

Deixe uma resposta